Onde Comer – Gramado e Canela

GRAMADO:

Josephina (Rua Pedro Benetti, 22 – Centro, Gramado)
Bistrô/padaria super charmoso, localizado na rua lateral da igreja (um pouco depois d’O Pasteleiro e da Hering). Boas opções de risoto e carne.

restaurante-josephine-gramado

Comemos um risoto de alho poró, tomate cereja e brie (gostoso, mas um pouco sem gosto) e o peixe com purê de baroa (excelente opção para amenizar o peso na consciência dos milhões de chocolates ingeridos ao longo do dia). Sobremesas deliciosas, boa carta de vinho e garçons super agradáveis. Os preços são bons (pratos por 30,00 / 40,00). Não deixe de experimentar!

Funcionamento: terça a domingo: 11h30 às 23h

Ristorante Tomasini (Av. das Hortênsias, 1189 Bairro Centro – Gramado)
Esse restaurante foi uma boa surpresa! No nosso último jantar, não queríamos repetir o Josephine Café pela terceira vez, então decidimos caminhar e avaliar os restaurantes. Acabamos entrando no Tomasini (ainda bem!). Os pratos são super bem servidos (um dá para dois tranquilamente) e deliciosos. Risoto de camarão muito bom – vem em uma panelinha de pedra – e carne com arroz e batatas muuuuito macia e saborosa. O único problema é sair defumada por causa do fondue dos outros clientes.

restaurante-gramado

Mestre Cuca Bistrô (Av. das Hortênsias, 877)
Deixamos para ir no último dia e que arrependimento. Pedimos salada com salmão e outra com frango. As duas estavam muito ruins! O peixe não era fresco e o frango veio cru. Se erraram em pratos tão simples, não quero nem imaginar como são os pratos mais elaborados!

Funcionamento: todos os dias das 7h às 23h

CANELA:

Empório Canela (Rua Felisberto Soares, 258 – Centro de Canela)
Este café e bistrô tem o mesmo estilo do Josephina, localizado no centrinho de Canela, bem pertinho da Catedral de Pedra. É uma casa meio avermelhada ao lado da Caracol Chocolates. No centro do Empório há uma pequena livraria e existe ainda uma varanda super delícia para quem quer beber e comer enquanto vê o movimento da cidade. O cardápio é bem variado e cabe em todos os bolsos – entradas e petiscos que custam entre R$ 10,90 e R$ 28,90 e os pratos individuais, com massas, risotos, peixes ou carnes, variam de R$ 42,90 a R$ 254,90. O restaurante possui ainda uma carta de cervejas artesanais bem completa.

Quer ir além do arroz com feijão nas suas viagens? Converse com a gente e descubra as mil possibilidades que o mundo te oferece (e que cabem no seu bolso).

 

Rodízio de Fondue – Gramado

Maximilia Fondue & À La Carte (Av. das Hortencias, 2174 Térreo – Centro)
Sequência de fondue bem gostosa e com excelente custo beneficio (no próprio site deles você consegue cupom de desconto). Fondue de queijo ok, acompanhado de pão, batata e brócolis que, surpreendentemente, fica bom! Fondue de carne muito bom, com opção de frango, boi e porco e 12 molhos (4 agridoces). Fondue de chocolate delicioso! Os garçons são muito simpáticos e o lugar é super aconchegante. O único problema é o cheiro de fritura que te acompanha para sempre (roupas devem ir direto para uma sacola) e o peso no estômago, é claro!

Quer ir além do arroz com feijão nas suas viagens? Converse com a gente e descubra as mil possibilidades que o mundo te oferece (e que cabem no seu bolso).

Pontos Turísticos – Canela

Localizada a apenas 7 Km do centrinho de Gramado, Canela é pequena, linda e encantadora! As duas cidades são ligadas pela Av. das Hortênsias e se complementam quando o assunto é turismo.

Catedral de Pedra (Praça Matriz)
Peça principal do centro de Canela, a Catedral de Pedra é realmente um prédio digno de fotos. Com estilo gótico (meu preferido), a igreja foi construída em 1950 e, à noite, recebe uma iluminação colorida. Dentro, grandes vitrais dão aconchego e beleza ao grande espaço. As missas são celebradas todos os dias às 18h e às 8h e 10h30 aos domingos.

igreja-pedra-canela

Ao sair da igreja caminhamos pela Rua Felisberto Soares e chegamos a uma rótula decorada com vários guarda-chuvas coloridos. Coisa linda de se ver! Também passamos pela Praça de Canela, onde há várias barraquinhas de artesanato em casinhas que parecem ser de boneca.

rotula-canela

Parque Estadual do Caracol (RS 466 – km 0 – Canela)
O parque é bem legal e é casa da Cascata do Caracol, maior cachoeira do Rio Grande do Sul, com 131 metros de altura. O legal aqui é pegar o bondinho panorâmico para ver de perto a queda d’água. Mas se você quiser sentir os pinguinhos mesmo, pode descer uma escadaria de 927 degraus até a base da cascata. Para quem tem joelhos de criança, vale muito. Além da cachoeira, existem muitas trilhas ecológica, lojinha de artesanato e mirante.

cachoeira-caracol-canela

Funcionamento: todos os dias das 8h45 às 17h45
Entrada: R$ 18 (não aceita cartão)

Castelinho Caracol (Estrada do Caracol Km 03, S/Nº – Canela)
Na estrada para o Parque do Caracol está o Castelinho, uma das primeiras residências de Canela e onde, atualmente, funciona como museu de utensílios e móveis antigos. A casa é lindinha e o museu parece ser bem arrumadinho (não entrei direito), mas fato é que a maior atração fica por conta da casa de chá, que serve um apfelstrudel que é considerado o melhor do Brasil (R$ 46 para duas pessoas). Peguei para viagem, pois não queria pagar os R$ 10 para ver o museu. Não me arrependi! Strudel quentinho em embalagem térmica com chantily (feito em casa) a parte. Valeu cada caloria!

Funcionamento: todos os dias das 9h às 13h e das 14h20 às 17h40

Veja o que fazer em Gramado.

Por Ceca e Meca é um projeto destinado a fazer com que as pessoas conheçam o mundo por si, de maneira segura e personalizada. Por isso, além de dicas e roteiros, o PCeM oferece serviços que constroem, junto com viajante, experiências incríveis. Conheça nossos serviços.

Pontos Turísticos – Gramado

O centrinho de Gramado é relativamente pequeno e dá para conhecê-lo a pé sem grande dificuldade ou sofrimento. A cidade é plana, o que ajuda bastante!

Rua Coberta (Av. Borges de Medeiros, Centro, Gramado)
A Rua Coberta, além de ter sempre atrações diferentes – música ao vivo, espetáculos de danças, apresentações artísticas, etc. -, é um ótimo refúgio para os dias de chuva. É um dos locais mais movimentados da cidade, com vários cafés, restaurantes e lojas. Como é bem turística, fiquei com medo de cair no conto do turista e pagar mais caro por comer ou comprar ali. Por isso, só caminhei pelo “tablado” e tirei fotos com as mesas e do telhado, que é lindo. As telhas são transparentes e ficam cheias de plantas trepadeiras.

Palácio dos Festivais (Av. Borges de Medeiros, Centro, Gramado)
Fica em frente à Rua Coberta. É palco do Festival de Cinema de Gramado, que é realizado em agosto – ótima oportunidade para se conhecer a cidade e, de quebra, trombar com vários artistas nacionais e internacionais. Por ser a sede do festival mais famoso do Brasil, em seus arredores está a nossa calçada da fama, onde artistas consagrados do cinema brasileiro deixaram suas marcas e assinaturas.

palacio-festival-cinema-gramado

Durante o dia, o Palácio fica fechado para visitação e as fotos são limitadas à fachada. Mas você pode conhecê-lo por dentro se for assistir a um dos filmes em cartaz. O lugar abre sua sala de cinema às sextas, sábados e domingos, com sessão às 20h30.

Telefone: (54) 3286-1058

Praça Major Nicoletti (Av. Borges de Medeiros, Centro, Gramado )
Essa é a praça principal do centro de Gramado. Cheia de barzinhos, restaurantes e lojas ao redor, é um excelente ponto para fazer compras ou, simplesmente, acompanhar o movimento enquanto toma um chope. Fica bem próxima da Rua Coberta e tem uma vista bonita para a Igreja São Pedro.

Igreja São Pedro (Avenida Borges de Medeiros, 2659 , Centro, Gramado)
Localizada no centro, bem onde a cidade ferve, a Igreja São Pedro é bem bonitinha. É uma construção pequena se a compararmos com outras igrejas, mas sua torre, de 46 metros, não deixa a desejar. Toda construída em pedra basáltica, o templo foi inaugurado em 1942. O interior é simples, do jeito que gosto e, por isso, achei lindinho. No caminho de entrada, estátuas dos apóstolos, atrás, a Fonte do Amor Eterno.

igreja-gramado

Fonte do Amor Eterno
Inspirada na ponte de Paris, a fonte abriga milhares de cadeados dos casais apaixonados, que eternizam seu amor ali. É claro que Paris ganha, mas como amor nunca é demais, vale a brincadeira!

fonte-amor-eterno-gramado

Lago Negro (Rua A. J. Renner – Lago Negro)
Na primeira vez que fui a Gramado, estava um frio de matar. Me lembro de andar de pedalinho no Lago Negro e ver fumacinha saindo da água. Sem contar que, na minha memória, o lugar era enooorme. Voltei depois de mais de dez anos e admito que a frustração foi grande. Fazia calor, o lago era bem menor do que eu me lembrava e o parque não estava tão bem cuidado.

lago-negro-gramado

Apesar de ser um dos lugares mais procurados pelos turistas (a falta de vagas deixa isso bem claro), não há muito o que se fazer. Se andar de pedalinho ou barco não está nos seus planos, o passeio vale só para dar check no mapa.

Horário de funcionamento do parque: 24h sem cobrança de ingresso
Horário de funcionamento dos Pedalinhos: das 8h30 às 18h
Pedalinho: R$ 15 – 20 min
Barco para 4 pessoas: R$ 25 – 20min

Muitas atrações estão na Avenida das Hortênsias (longe do centro), na estrada que liga Gramado a Canela. Além das maravilhosas lojas de sapato (veja onde comprar), existem muitos parques pelo caminho.

Belvedere – Vale do Quilombo (Av. das Hortênsias, Gramado)
Esse “mirante” fica no início do caminho entre Gramado e Canela. Você vai ver: é o lugar onde tem carros parados e várias pessoas tirando fotos. Isso, porque a vista é realmente muito bonita. Do local, que fica a mais de 800 metros de altura, é possível avistar o Vale do Quilombo e toda sua vegetação. Vale a parada rápida para fotos, mas tome cuidado com o lugar em que vai estacionar o carro, pois o mirante fica logo depois de uma curva.

vista-vale-dos-quilombos-gramado

Reino do Chocolate (Av. das Hortênsias, 5382 – Estrada Gramado-Canela)
Nossa memória pode ser bem cretina com a gente. E a minha não fez diferente. Insisti para entramos no Reino do Chocolate porque minha lembrança de lá era bem legal – ver o processo de fabricação do chocolate, esculturas dessa gostosura e degustação grátis. Realidade: só uma partezinha da fabricação pode ser vista através de uma janela; as esculturas existem e são legalzinhas; bonecos que dão medo até em adultos; e informações irrelevantes. Enfim, não gaste seu tempo e dinheiro!

Funcionamento:
Domingo a sexta: 8h30 às 18h30
Sábado e feriados: 8h30 às 19h30
Entrada: R$ 10 (convertidos em chocolate)

reino-chocolate-gramado

Além dessas atrações, existem muitas outras voltadas para as crianças, como o Mini Mundo, Dreamland, Mundo Encantado e Aldeia do Papai Noel. Visitei na primeira vez que fui à cidade, mas dessa vez, admito que passei. Rs…

Conheça os pontos turísticos de Canela.

Vá além dos roteiros prontos. Faça sua viagem do seu jeito e por um preço muito mais barato. Descubra como.

 

Onde Ficar – Gramado

Hotel Pousada Florença (Rua Joao Fisch Sobrinho, 144 – Centro)
Como disse anteriormente, sair de carro para passear no centro de Gramado pode ser estressante. Por isso, na hora de escolher a hospedagem, localização foi quesito primordial. Dentre as opções para pessoas com conta bancária “normal”, o Hotel Pousada Florença foi, sem dúvida, a melhor escolha que poderíamos ter feito.

pousada-florenca

O hotel é muito bem localizado – próximo ao centro, mas na distância certa para fazer a digestão na caminhada -, limpíssimo, staff atencioso e muito bem educado. Logo que você chega, a primeira impressão já é positiva. Uma casinha linda, estilo colonial (com estacionamento), recepção toda bem decorada e frutas à disposição. Tem como não amar?

O que realmente encanta nesse hotel são os detalhes: louças lindíssimas, chá com bombons no quarto toda noite e frutas sempre disponíveis. O café da manhã é um show à parte. Apesar da sala ser bem pequena, o que, às vezes, faz com que tenhamos que esperar os outros hóspedes terminarem, o espaço é incrível e deve se parecer com a sala de chá da rainha da Inglaterra. O serviço é feito em partes – nada de buffet self-service. Primeiro, as frutas e sucos; depois, pães, frios e a opção quente (omelete, ovos, panquecas – cada dia uma opção); por último, bolos e biscoitos. Ser rico deve ser assim.

hotel-gramado

O quarto standart é um pouco pequeno, mas a cama é excelente, o chuveiro é ótimo, as águas do frigobar são cortesia e o estacionamento é gratuito! O único ponto de atenção é a falta de elevador. Os quartos ficam em até seis lances de escada da recepção.

Quer descobrir a alma dos lugares em suas viagens? Vem aqui e descubra o quanto o mundo pode ser surpreendente!

Chegada – Gramado

Rota rápida: BR 116, BR 239 e RS 115

Se você não tem muito tempo a perder, essa é a sua melhor escolha. Você sai de POA pela BR 116. É provável que você pegue bastante trânsito entre Canoas, São Leopoldo e Novo Hamburgo. Neste trecho, existem muitos outlets que valem a “perda de tempo” – comprei um vestido lindo da Calvin Klein por R$ 89, um par de botas de couro por R$ 119 e roupa de cama da Artex por R$ 90.

Superado o espírito consumista, é hora de seguir viagem. Logo depois de Novo Hamburgo, pegue a BR 239 em direção a Taquara. Lá começa a RS 115, que vai até gramado com um asfalto excelente. Você chega à cidade pela Avenida principal, a Borges de Medeiros.

Essa rota não é menor que as outras, mas acaba sendo mais rápido porque a pista é quase toda duplicada.

Rota Romântica: BR 116 e RS 235

Como férias é momento de relaxar e esquecer os relógios, eu e minha mãe optamos pela lindíssima Rota Romântica para chegar a Gramado. É claro que nos perdemos no caminho, mas isso se deve mais à nossa falta de atenção do que à estrada.

O início do caminho é o mesmo – saída pela BR 116, com direito a outlets. A diferença aqui é que, depois de Novo Hamburgo, você deve se manter na estrada. A partir deste ponto, você entra em uma outra dimensão onde as cidadezinhas de beira de estrada são simplesmente lindas e te fazem pensar que está na Alemanha. Além disso, nesse percurso, a natureza se faz presente de maneira exuberante e encantadora. Como nem tudo é perfeito, a vista maravilhosa vem acompanhada de muuuitas curvas. Por isso, essa rota acaba sendo mais demorada.

Depois de Nova Petrópolis, você deve pegar a BR 235, que te leva até Gramado (foi nessa mudança de estrada que acabamos nos perdendo).

Pórtico Gramado - Rio Grande do Sul
Pórtico Gramado – Rio Grande do Sul

Além de toda a beleza do caminho, você chega a Gramado pelo pórtico tradicional da cidade, na Avenida das Hortênsias. O que mais se pode querer?

Precisa de ajudar para planejar sua viagem? Chega aqui e descubra as experiências incríveis que podemos construir juntos. Com conversa, intimidade, experiência e vontade, dá para fazer uma viagem personalizada que te permita se encontrar (e se surpreender) onde quer que você esteja.